Rafinha Bastos fora do CQC. Quem perde?


Resposta: todos.
O comentário polêmico envolvendo a ponta esquerda da bancada do Programa Custe oQue Custar (CQC, exibido pela Band) ocasionou uma demissão e um prejuízo enorme diversas pessoas.
Em um momento infeliz, Rafinha Bastos, conseguiu atingir, literalmente, o âmago da cantora Wanessa Camargo. Sem defender ou acusar o humorista, na minha visão todos perdem com esse episódio. Explico:

O próprio Rafinha Bastos - perdeu uma ótima chance de ficar quieto, em vez de fazer um comentário infeliz e, se foi uma piada, muito fraca.

A emissora - desfalca seu time e perde um profissional de alto gabarito e extremamente influente.

A produtora -  tem a credibilidade e autonomia afetadas, não só no Brasil, como em outros países.

O público - vê a época da censura voltar, de uma forma menos incisiva, porém não menos eficaz.

Defendo o Rafinha Bastos, o CQC, a Wanessa Camargo? De modo algum, apenas exponho uma reflexão de que as palavras em meios públicos devem ser duplamente pensadas, assim como censuras e demissões.
O fato é que, sem fugir do samba, tema deste blog, tudo aconteceu por culpa de um momento infeliz.



A chama não se apagou

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...